Gente&Conteúdo

25/08/2016

Pesquisa relaciona excesso de peso a 8 tipos de câncer

Uma equipe de pesquisadores identificou oito tipos de câncer relacionados ao excesso de peso e obesidade: estômago, fígado, vesícula, pâncreas, ovário, meningioma (tipo de tumor cerebral), tireóide e mieloma múltiplo (câncer que afeta um subtipo de células da medula óssea, os plasmócitos). De acordo com o estudo, a redução de peso no decorrer dos anos pode reduzir o risco de desenvolver esses tipos da doença.

 A pesquisa é baseada na revisão de mais de mil estudos sobre excesso de peso, analisados pela Agência Internacional de Pesquisa do Câncer (IARC, em inglês). Os resultados serão publicados nesta quinta-feira (25) no “The New England Journal of Medicine”.

"A incidência de câncer devido ao excesso de peso ou obesidade é mais ampla do que se acredita atualmente", disse o especialista em prevenção do câncer Graham Colditz, da Universidade de Medicina de Washington, em St. Louis.

Os cientistas dizem que há muitas razões para a obesidade e excesso de peso estarem ligados ao risco de se ter câncer: a gordura aumenta o índice de estrogênio, testosterona e insulina, promove inflamação, e esses fatores podem levar ao crescimento do tumor.

Na maioria dos tipos de câncer listados, os pesquisadores notaram a seguinte relação: quanto maior o Índice de Massa Corporal (IMC), maior o risco de ter um tumor. Homens e mulheres com excesso de peso têm chances semelhantes de desenvolver um câncer. Os resultados são válidos para todos os continentes.

Em 2002, o mesmo grupo encontrou evidências suficientes da ligação do excesso de peso com o risco de desenvolver câncer de cólon, esôfago, rim, mama e útero. No mundo, estima-se que 640 milhões de adultos e 110 milhões de crianças sejam obesas.

"Os fatores do estilo de vida, ter uma dieta saudável, manter um peso saudável e praticar exercícios, além de não fumar, podem ter um impacto significativo na redução do risco de câncer", disse Colditz. "Os esforços de saúde pública para combater o câncer devem se concentrar nisso".

“Perder peso é difícil para muitas pessoas", acrescentou. "No lugar de ficar desanimado e desistir, aqueles que lutam para emagrecer poderiam se concentrar em evitar ainda mais ganho de peso."

*Fonte: G1

Clientes

Conheça quem hoje faz a história da ProPay ser um sucesso.

Par Corretora de Seguros Brasil Máquinas Crown Alphaprint Decathlon DeVry Brasil Nidera Mercedes Benz America Sabó Diversey Sidel Canal Rural Rocket Damásio
http://www.propay.com.br/