Gente&Conteúdo

28/07/2015

Novo tratamento para hepatite C vai beneficiar 30 mil usuários do SUS

Para marcar o Dia Mundial de Luta contra as Hepatites Virais, lembrado nesta terça-feira, dia 28 de julho, o Ministério da Saúde anuncia novos medicamentos para combater a hepatite C.

O tratamento, que será incorporado pelo Ministério da Saúde até dezembro, é mais eficiente e rápido do que o disponível atualmente  na rede pública de saúde, conforme destaca o ministro da Saúde, Arthur Chioro.  “Nós temos primeiro um aumento do percentual de cura de 42% para 90%, uma diminuição do tempo de tratamento de nove meses para três meses, uma maior facilidade, porque hoje os medicamentos disponíveis são injetáveis e nós passamos a ter o tratamento por via oral. E a possibilidade de também poder tratar pacientes que tenham coinfecção do vírus da hepatite c com HIV/aids e os pacientes que foram submetidos a transplante que antes não podiam ser tratados. Portanto, o novo protocolo cria mais facilidade de acesso e nós conseguimos garantir o que há de mais moderno em termos de tratamento da hepatite c”.

O novo tratamento para combater a hepatite C é composto pelos medicamentos daclatasvir, simeprevir e sofosbuvir. Mas de acordo com o ministro da Saúde, Arthur Chioro, os pacientes que já estão sendo tratados com os medicamentos  Boceprevir e Telaprevir poderão continuar seguindo o antigo tratamento até que seja concluído. “Os atuais medicamentos hoje disponíveis, continuaram disponíveis dependendo do protocolo utilizado pelo médico no tratamento dos nossos pacientes. Aqueles que hoje já estão no protocolo de tratamento com os medicamentos atuais não terão nenhum prejuízo, porque o Ministério da Saúde continuará mantendo os medicamentos disponíveis para o tratamento. Termina o tratamento com as drogas que já estão em curso e os novos pacientes, aqueles que têm reinfecção, aqueles que não podiam ser tratados, por exemplo, os transplantados, aqueles que também têm infecção por HIV já iniciaram o tratamento”.

Para oferecer o novo tratamento contra a hepatite C, o Ministério da Saúde deve investir inicialmente 500 milhões de reais. A estimativa é beneficiar 30 mil pessoas nos próximos doze meses. 

*Fonte: Blog da Saúde/Ministério da Saúde

Clientes

Conheça quem hoje faz a história da ProPay ser um sucesso.

Alphaprint ESPRO Sabó Nidera GS1 Covidien Brasil Máquinas Mercedes Benz Rocket Soter Decathlon America Junior Canal Rural Par Corretora de Seguros
http://www.propay.com.br/