Gente&Conteúdo

02/10/2013

Lei de Estágio: tire suas dúvidas!

Neste mês, a nova Lei de Estágio faz cinco anos. E sobram razões para comemorar! Com mais segurança judiciária na contratação, as empresas sentem-se encorajadas a desenvolver seus jovens talentos, transformando-os em líderes.    

Para esclarecer questões importantes sobre o assunto, conversamos com o Dr. Leonardo Albuquerque. Especializado em Direito do Trabalho, ele é Gerente Jurídico da ProPay, empresa focada em gestão de folha de pagamento e benefícios. Vamos lá?               

- O tempo máximo de dois anos para estágio em um mesmo local ajudou ou atrapalhou as empresas?

A legislação antiga não previa esse prazo. Para muitos, isso estimulava a contratação de mão de obra disfarçada de estágio. Estatisticamente, poucos foram os casos de autuação do Ministério do Trabalho – durante a lei antiga – de fraudes na contratação de estagiários, assim como o número de reclamações trabalhistas não era expressivo. O prazo de dois anos não causou grandes transtornos aos empregadores, sobretudo porque na maior parte dos casos, a rotatividade é inferior a esse prazo, ou o estagiário acaba sendo efetivado.

- Vale a pena contratar um estagiário? Quais as vantagens?

Sem dúvida, agrega muito valor. Na maior parte das vezes, são jovens com ideias novas, vontade de trabalhar e anseio por “mudar o mundo”. Nesse contexto e sob uma boa gestão, muito se pode construir, inovar ou desenvolver a partir da contratação de estagiários.               

E esse ato educativo pode, realmente, ser uma porta para o mercado de trabalho. Formado em Direito, Fagner Fabrício Souza estagiou entre julho de 2011 e julho de 2012 na mesma organização. Hoje, ocupa o cargo de Assistente Jurídico. “É uma importante fase de orientação e aprendizado do estudante, pois traz a oportunidade de conhecer os aspectos práticos da profissão escolhida, muitas vezes abstratos ou até inexistentes na formação acadêmica”, pondera. “Tive a chance de experimentar situações reais e pude aplicar na prática conceitos teóricos. Isso me preparou para definir a área de atuação profissional ao término do curso”, finaliza.     

Inspire-se e aproveite para buscar uma vaga! Lembre-se: há sempre a oportunidade certa para o candidato certo. Boa sorte!        

*Esta matéria  foi publicada no site do Nube

Clientes

Conheça quem hoje faz a história da ProPay ser um sucesso.

Nidera Junior Diversey Canal Rural Grupo Flytour GS1 Mercedes Benz Brasil Máquinas Valeo Grupo Libra Sabó Crown Soter Lachmann Decathlon
http://www.propay.com.br/