Gente&Conteúdo

08/05/2013

Infecção hospitalar: o que você sabe sobre a vilã dos hospitais?

A tão frequente infecção hospitalar é uma complicação que ocorre em pacientes hospitalizados ou que passam por procedimentos como cirurgias após (é consderada infecção hospitalar após 72 horas do momento da entrada no hospital). Ela pode ser leve, sem grandes proporções ou ser grave e levar o paciente a morte.

As mais comuns registradas são: infecção urinária, cirúrgica, infecção no sangue e as respiratórias. Os grupos de pessoas mais suscetíveis as infecções hospitalares são os recém nascidos, idosos, diabéticos, pessoas com câncer, sob estresse e principalmente com baixa imunidade.

Estão se tornando cada vez mais comuns infecções deste gênero já que, de acordo com a OMS o índice dessas infecções varia de 14% a 19%.

Tão importante é a prevenção e o controle destas infecções que em algumas décadas atrás foi criada a Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH) com o objetivo de registrar os casos de mortes e principalmente controlar os indicadores. Infelizmente não foi o suficiente para conter um quadro alarmante.

Segundo a Associação Nacional de Biossegurança (Anbio) cerca de 80% dos hospitais não fazem o controle adequado para evitar infecções em pacientes e até mesmo o óbito.

A prevenção é de grande responsabilidade das instituições hospitalares e dos profissionais da saúde que nelas atuam. Inicialmente é preciso tomar precauções para prevenir infecção, independente da suspeita de qualquer doença transmissível. 

Essas medidas de precaução envolve a higienização das mãos com água e sabão, o uso de avental, de luvas e a esterilização do ambiente após a alta de qualquer paciente internado. Quando há confirmação ou até mesmo suspeita de pacientes com doenças transmissíveis facilmente pelo ar ou através de contato físico, deve-se reservar um quarto privativo para o individuo. 

Nenhum hospital possui índice zero de infecção hospitalar, por isso mais importante que tudo é se tomar medidas cabíveis para diminuir números expressivos de doenças. Atitudes simples são as principais ações capazes de amenizar esse problema tão recorrente.

*Equipe de Conteúdo ProPay


Clientes

Conheça quem hoje faz a história da ProPay ser um sucesso.

America Decathlon Brasil Máquinas Sidel Pamcary Mercedes Benz Rocket Covidien Canal Rural Valeo DeVry Brasil Sabó Soter Grupo Libra Junior
http://www.propay.com.br/