Gente&Conteúdo

17/04/2012

Empresas facilitam o deslocamento dos funcionários

Em cidades como São Paulo, que possui o sexto pior trânsito do mundo e onde seus moradores gastam, em média, duas horas e 42 minutos para deslocamentos diários, é inevitável que o transporte e a locomoção de funcionários sejam uma preocupação constante para as empresas. “O tempo que o colaborador gasta em trânsito todos os dias impacta diretamente em sua qualidade de vida, afetando também seus resultados em produtividade e motivação diária”, diz Sandra Lucena, diretora da ProPay, consultoria em RH. “A distância pode, sim, ser um empecilho para o cotidiano deste colaborador”, afirma.

Para dar aquela força aos funcionários, muitas companhias oferecem diferentes opções de transporte e permitem que o próprio colaborador escolha a que melhor lhe convier. Além da disponibilização de ônibus fretado, algumas organizações ainda possibilitam horários flexíveis, prática que ganha cada vez mais adesão no mundo corporativo. Há ainda a opção do home office para funções que podem ser executados remotamente.

Quando o caminho para o trabalho é árduo, as consequências mais comuns são atrasos, cansaço e desgaste da equipe, impacto na produtividade do profissional e alto custo diário com transporte – seja para a empresa ou para o funcionário. “Em casos extremos, o estresse excessivo criado pelo deslocamento diário pode resultar no pedido de desligamento por parte do funcionário”, alerta Sandra. “Assim, as companhias podem perder bons talentos por conta das dificuldades de acesso ao local de trabalho”, completa.

Ao facilitar o transporte e a locomoção dos funcionários, a empresa contempla, primeiramente, a qualidade de vida do colaborador, com reflexo direto na produtividade dele no trabalho. Além disso, o transporte diário do funcionário influencia em sua segurança, bem-estar e motivação. Com isso, o turnover tende a diminuir.

Caronas terceirizadas

Uma solução que tem atraído empresas e profissionais são as caronas organizadas por terceiros, como as promovidas por firmas como Caronetas e Zazcar. A primeira funciona a partir de um site que integra colaboradores de empresas e centros empresariais de forma segura, prática e gratuita. A empresa aérea TAM passou a utilizar o serviço, disponibilizando-o para os mais de 29 mil funcionários, que a partir de um cadastro pela internet poderão oferecer ou receber caronas. Segundo o CEO do Caronetas, Marcio Nigro, a companhia aérea mobilizou sua estrutura de tecnologia para possibilitar que 100% de seus funcionários tivessem acesso ao sistema de caronas que compõe o plano de mobilidade da empresa.

Além de colocar as pessoas em contato, o site da Caronetas facilita também a forma de repartir os gastos. “Dividir custos de caronas sempre foi complicado, porque é difícil calcular, fracionar e, muitas vezes, até sugerir a divisão de custos ao outro envolvido. O Caronetas automatiza e simplifica o processo por meio da tecnologia, evitando o uso de dinheiro na carona”, diz Nigro. Por meio de uma moeda virtual, a caroneta, fica mais fácil o rateio dos custos entre os motoristas e os passageiros no ato da carona. Ela pode ser pré-adquirida no site pelo passageiro interessado na carona, que “transfere” os créditos para o motorista. Este pode trocá-la por produtos e serviços de parceiros, como postos de combustíveis, agências de viagem e lojas virtuais credenciadas. A moeda facilita a negociação direta entre os usuários do site, criando uma carona "valorizada".

Uma característica interessante deste compartilhamento automático de custos é que ele é regido pela lei da oferta e da procura. Isso significa que o motorista pode decidir quanto “cobrar” por cada trajeto – podendo inclusive mantê-lo gratuito.

“As pessoas que têm carro e ainda não se sentiram motivadas a dar carona olharão o banco do passageiro vazio e pensarão em ocupá-lo, pois estão perdendo a chance de compartilhá-lo em troca de uma sonhada viagem no final do ano, da compra de algo que desejam há muito tempo ou mesmo da renovação de seu seguro com os créditos”, explica Nigro.

Criada em 2011, a Caronetas tem entre seus principais benefícios o fato de ser um serviço gratuito. “A empresa não nos contrata, simplesmente se cadastra e participa. É uma forma de fazer marketing interno voltado à sustentabilidade sem gastar dinheiro”, explica Nigro.

A Zazcar é outra alternativa para transporte de funcionários, mas com conceito diferente. A ideia é substituir o uso de carros individuais e proporcionar o aluguel de veículos cobrados por hora de uso. Segundo o sócio-diretor da Zazcar, Felipe Barroso, mais de um milhão de pessoas no mundo usa este tipo de serviço, que, entre outras vantagens, melhora o trânsito das cidades.

Para alugar um carro, o cliente se cadastra, opta por um dos planos da empresa e recebe em casa um cartão de acesso, o Zazcard. “Com o cartão em mãos, ele faz a reserva do carro quando quiser, por telefone ou pela internet. Depois, é só se dirigir ao estacionamento onde estará o carro, destravar o veículo com o próprio cartão de acesso, pegar as chaves no porta luvas e sair dirigindo sem se preocupar com gasolina, seguro e manutenção, tudo incluso no preço”, explica Barroso. Ao final da utilização, o cliente devolve o carro no mesmo ponto onde retirou.

A Sustentech, empresa da área de desenvolvimento sustentável, utiliza os serviços da Zazcar desde agosto de 2011. Lidyane Barros, responsável pela conta da Sustentech junto a Zazcar, afirma que desde o início da parceria houve uma redução de cerca de 20% nos gastos com transporte. “Nós substituímos o uso de táxi, o que trouxe economia para empresa, e por meio do serviço da Zazcar facilitamos o acesso aos carros, o que é um benefício para os funcionários”, afirma, enfatizando que o novo modelo tem aceitação total por parte dos colaboradores.

Esta notícia foi publicada no Canal Rh em, 29 de fevereiro de 2012.

Clientes

Conheça quem hoje faz a história da ProPay ser um sucesso.

Diversey Lachmann Brasil Máquinas Damásio DeVry Brasil Mercedes Benz Soter America Crown Canal Rural Covidien Nidera Sidel Sabó ESPRO
http://www.propay.com.br/