Gente&Conteúdo

21/01/2015

Como separar a vida pessoal da profissional?

Conciliar as atividades pessoais e profissionais sem que uma interfira na outra é o sonho de 100% das pessoas que estão no mercado de trabalho, independente de cargo, função, idade ou sexo. Na teoria parece fácil, mas muitos profissionais têm dificuldades em separar os problemas de casa e do trabalho e deixar cada um em seu respectivo ambiente – principalmente com os avanços tecnológicos, que nos mantém conectados 24 horas.

Imprescindível para a qualidade de vida, essa prática ajuda a evitar problemas na carreira e a aumentar o rendimento. Afinal, não importa se você trabalha em uma grande multinacional, em uma pequena empresa ou se é um profissional autônomo, quando falamos de trabalho estamos falando de produtividade. Assim, se você for um trabalhador produtivo (acima da média) suas chances de sucesso serão grandes. O mesmo vale para seus relacionamentos pessoais, com família e amigos, e seus momentos de lazer, que só tendem a ganhar em qualidade quando você está focado neles.

Segundo Alexandre Pinez, sócio-diretor e especialista em Life Coach da Avalie Coahcing, para alcançar este objetivo o segredo é não tentar separar os assuntos como se fossem duas vidas (uma pessoal e outra profissional), e sim buscar o equilíbrio. Para isso, basta uma boa pitada de bom senso e algumas regrinhas básicas. Confira a seguir quatro delas!

Tenha planejamento e disciplina

O planejamento e a disciplina devem estar presentes nos dois lados da moeda: vida pessoal e vida profissional. No trabalho, tenha sempre muito claro quais são suas atuais prioridades, assim conseguirá organizar suas tarefas com mais clareza. Na vida pessoal, planeje com antecedência como deseja utilizar seu tempo e estabeleça uma rotina em seu dia em que você possa se dedicar também à sua família e amigos.

Não seja uma esponja de problemas

Muito cuidado para não ficar absorvendo problemas atrás de problemas, sejam eles profissionais ou pessoais. Você tem um limite, não insista! Portanto, fique atento para não “comprar” problemas que não são seus e nunca esqueça ou duvide da capacidade que outras pessoas têm para resolver alguns deles. Lembre-se de que você pode sempre delegar.

Não confunda os relacionamentos

Muitas vezes temos em nosso ambiente de trabalho pessoas da família ou amigos pessoais, e em outros casos, amigos de trabalho se tornam mais íntimos e passamos a conviver com eles fora do ambiente profissional. Seja qual for o caso, tenha sempre em mente o contexto em que está envolvido (pessoal ou profissional) e tenha cuidado para não ultrapassar limites.

Deixe os assuntos de trabalho no trabalho

Os momentos que você vive fora do horário de expediente são para relaxar e pensar/focar em outros assuntos. Como foi o dia da sua esposa? O que seus filhos fizeram na escola? Como será a viagem que aquele amigo está prestes a fazer? Enfim, o importante é entender que as pessoas do seu convívio pessoal não pertencem ao seu trabalho, portanto os assuntos de lá pouco interessarão a elas.

*Esta notícia foi publicada pelo portal Carreira&Sucesso.

 

Clientes

Conheça quem hoje faz a história da ProPay ser um sucesso.

Nidera DeVry Brasil Junior GS1 Lachmann Par Corretora de Seguros Mercedes Benz ESPRO America Rocket Valeo Sidel Brasil Máquinas Crown Grupo Libra
http://www.propay.com.br/