Gente&Conteúdo

12/07/2012

Como evitar acidentes de trabalho?

Considerando o impacto mutuo que acidentes de trabalho ocasionam, afetando tanto a empresa quanto os profissionais, algumas organizações, principalmente aquelas que possuem maior incidência de acidentes, demonstram preocupação em manter uma quantidade baixa de registros dessa espécie.

Em entrevista a ProPay, Adriana Carvalho Gonsalves,  Supervisora de Meio Ambiente, Saúde e Segurança (MASS) , da Elevadores Otis, dá algumas dicas de como evitar acidentes.Segundo ela, a atenção ao se executar as tarefas cotidianas é o principio de todo o processo.

ProPay: Quais são os acidentes mais comuns registrados na Otis?
Adriana
: No ramo da indústria de elevadores, os acidentes mais comuns são aqueles envolvendo cortes nas mãos e dedos. Apesar do nome não explicitar isso, as indústrias de elevadores também prestam serviços de  manutenção naqueles que já estão instalados, portanto também existem casos onde os profissionais ao se deslocarem de um endereço para outro tropeçam e caem na rua, caracterizando um acidente de trabalho.

ProPay: Como as empresas podem evitar acidentes de trabalho, assegurando seus profissionais?
Adriana
: Primeiramente é responsabilidade da empresa fornecer os EPIs - Equipamentos de Proteção Individual -  adequados a execução de cada tarefa. Promover treinamentos periódicos de reciclagem dos funcionários, garantir que os novos profissionais e os que alteraram suas funções recebam os treinamentos adequados e por fim inspecioná-los periodicamente os profissionais a fim de verificar a utilização dos EPIs.

ProPay: Como o próprio profissional pode evitar acidentes?        
Adriana
: O profissional precisa estar sempre atento ao desempenhar as atividades de trabalho, seja no escritório, na rua ou nas fábricas. Também precisa sempre usar os EPIs, pois eles são indispensáveis, deve agir de acordo com os procedimentos descritos pela organização para a execução das atividades, evitar improvisos utilizando dispositivos e ferramentas específicas para determinadas tarefas e em caso de dúvidas, ele deve consultar seu superior de forma imediata. Em trabalhos fora da empresa, o profissional deve respeitar os limites de velocidade ao volante e seguir as leis de trânsito.

ProPay: A Otis tem algum programa específico para evitar esses acidentes?
Adriana
: Sim, o programa de redução de acidentes da Otis é o “Sistema de Gerenciamento de Meio Ambiente, Saúde e Segurança”. Este sistema de gerenciamento é muito amplo e abrange os profissionais, clientes e usuários de Elevadores e Escadas Rolantes através de comunicados internos, palestras, treinamentos, livretos ilustrativos e até cursos externos. Detalhando mais, podemos dizer que a intenção da Otis é fazer do Meio Ambiente, da Saúde e da Segurança componentes integrais para todos os processos comerciais que criam produtos, serviços e operações dentro da empresa. O sistema de gerenciamento refere-se à estratégia geral e estrutura organizacional da Otis e está organizado em elementos que apóiam o processo de aperfeiçoamento contínuo, eles ainda incluem planejamentos, implementações e monitoramentos. Essa política foi elaborada justamente para oferecer uma visão clara e objetiva do compromisso da empresa com os assuntos dessa natureza, ela estabelece os mais altos padrões para proteger os profissionais e o meio em que vivemos.

Trabalhar em um ambiente com plenas condições salutares é um direito do trabalhador e é assegurado pela Lei 6514, de 22 desde Dezembro de 1977, desta forma as empresas devem sempre estar atentas a fim de evitar acidentes.

*Equipe de conteúdo ProPay

Clientes

Conheça quem hoje faz a história da ProPay ser um sucesso.

America Canal Rural Diversey Damásio Soter Nidera Junior Valeo Pamcary Grupo Flytour Grupo Libra Sabó Brasil Máquinas DeVry Brasil Crown
http://www.propay.com.br/